segunda-feira, 13 de março de 2017

Metamorfose da Nau

Impelida pelos ventos
Aportei meu barco
Nas tuas águas.
Sem vertigem,
Ancorei.
Desfiz-me.
Insufláveis
Prazeres,
Toques,
Gozos.
Tornaste-me
Em Nau:
Nau frágil.

Imagem daqui.

quarta-feira, 8 de março de 2017

Feliz Dia Internacional da Mulher 08/03/2017



Oi, Amigas!
Passando deixar uma mensagem em vídeo pra vcs e dizer que todos os dias são nossos, que podemos falar sim, não, eu quero, não quero, eu sou, não sou, sem qualquer problema de consciência, porque mudar faz parte da vida! 
Beijo enorme e sejam felizes!





segunda-feira, 6 de março de 2017

SOLIDARIEDADE E COMPANHIA - MANOEL PEIXOTO





Solidários, somos gente;
Solitários, somos peças.
De mãos dadas, somos força;
Desunidos, impotência.
Isolados, somos ilhas;
Juntos, somos continentes.
Inconscientes, somos massa;
Reflexivos, somos grupo.
Organizados, somos pessoas;
Sem organização, somos objetos de lucro.
Em equipe, ganhamos, libertamo-nos.
Individualmente, perdemos, continuamos presos;
Participando, somos povo;
Marginalizados, somos rebanho.
Unidos, somos uma soma;
Na massa, somos número.
Dispersos, somos vozes no deserto;
Agrupados, fazemo-nos ouvir.
Amontoando palavras, perdemos o tempo;
Com ações concretas, construímos sempre.


Manoel Peixoto

quinta-feira, 2 de março de 2017

Confissão - Marcos Freitas



Não, que eu não saiba o que sinto,
o que sou, haja vista meu instinto
de ser todo desejo, de não ter
do amor, o medo;
de não ter
da consciência, o nexo;
de não poupar
de meu pensamento, teu sexo.




Não, que eu não saiba o que sinto,
pra onde vou, haja vista que tenho
a pretensão tamanha, de beber
de tua taça, de teus sonhos;
de prender pra mim,
teus olhos, teus abraços;
de te saber como alimento,
sendo eu,
neste ato de amor,
réu confesso.



Marcos Freitas